O diagnóstico do cancro em Valência cumpre todas as normas e protocolos para identificar os cancros mais comuns. Recomendamos marcar uma consulta médica se você precisar de um diagnóstico detalhado de câncer. Em Espanha (Valência) pode consultar os nossos especialistas mesmo estando noutro país. Nossas clínicas estão equipadas com tomógrafo de 64 cortes, ressonância magnética de 3 Tesla e outros modernos equipamentos de informática, o que possibilita a realização de um exame completo e detalhado para detecção de câncer de pulmão.

O diagnóstico do câncer inclui programas de rastreamento, testes genéticos e estudos moleculares que ajudam a detectar a predisposição ao câncer. Estes programas são parcialmente cobertos por seguros privados, pelo que recomendamos que contrate um seguro de saúde. O custo do programa é calculado individualmente para cada paciente, levando em consideração sua idade.

Dr. Korzhikov convida seus pacientes a contatá-lo para obter informações, onde será discutido o diagnóstico de oncologia na Espanha. Ele pode aconselhá-lo sobre diferentes métodos de diagnóstico, explicar os benefícios de cada um e determinar o plano de teste mais adequado às suas necessidades individuais. Você deve marcar uma consulta com o Dr. Korzhikov para receber informações mais detalhadas sobre os programas de exames.

Rastreamento do câncer colorretal em Valência. Oncologia em Valência.

O câncer colorretal é uma doença tumoral que ocupa o terceiro lugar em prevalência entre os homens e o segundo entre as mulheres. Na maioria dos casos, a doença afeta pessoas com menos de 50 anos. Há evidências de que o câncer colorretal seja causado por predisposição genética, mas em torno do 15% outras circunstâncias influenciam sua ocorrência.

O programa de diagnóstico precoce desta patologia permite a detecção oportuna do tumor. Este programa envolve não apenas oncologistas, mas também especialistas em cirurgia geral, geneticistas, endoscopistas e gastroenterologistas.

O diagnóstico de câncer colorretal em Valência inclui os seguintes tipos de exames:

  • diagnósticos laboratoriais - testes genéticos, estudos moleculares, etc. Seu principal objetivo é identificar o processo oncológico ou a predisposição ao seu aparecimento,
  • endoscopia,
  • diagnóstico radiológico.

A clínica também estuda e avalia cada caso por meio de uma comissão especialmente criada.

A pesquisa genética ocupa o primeiro lugar em importância entre todos os métodos de diagnóstico. A determinação oportuna da predisposição ao câncer colorretal permite determinar o grupo de risco do paciente e lançar um programa de vigilância que permitirá identificar rapidamente o início do processo oncológico e agir de forma mais clara e eficaz no futuro.

Rastreio do cancro do colo do útero. Oncologia na Espanha.

De acordo com dados de pesquisas atuais, mais de 3/4 da população adulta da Terra está em contato constante com o papilomavírus humano ao longo da vida.

Na maioria dos casos, este vírus não causa desconforto e não se manifesta de forma alguma - a infecção desaparece sozinha após alguns meses. Mas alguns pacientes podem desenvolver consequências bastante graves da infecção pelo HPV:

1) a infecção pelos vírus tipos 11 e 6 (baixo risco, segundo a classificação moderna) provoca a formação de papilomas na região genital,

2) a infecção pelos vírus tipos 16 e 18 (tipos oncogênicos na classificação moderna) leva ao início do processo cancerígeno. Geralmente o início do processo é assintomático, o que dificulta o diagnóstico e o tratamento.

Nas clínicas de Valência, o câncer do colo do útero é diagnosticado por meio de dois métodos: por meio de estudos citológicos ou exame de Papanicolau. Anualmente são realizados estudos de triagem, inclusive com a finalidade de diagnosticar lesões pré-cancerosas e prevenir o desenvolvimento do câncer do colo do útero. O programa de rastreio permite reduzir significativamente o risco de detecção de cancro em fases posteriores.

Programa HPV

O programa de detecção do papilomavírus humano permite detectar a presença de uma infecção por vírus oncogênico antes que a infecção cause o desenvolvimento de anormalidades. Deve-se notar aqui que um resultado de teste positivo não significa que o câncer se desenvolverá definitivamente - apenas indica a presença de um fator de risco.

Além do diagnóstico, os especialistas das clínicas valencianas vacinam crianças e mulheres (25-45 anos) com uma vacina quadrivalente desenvolvida contra os quatro principais tipos de papilomavírus. A investigação nos últimos anos mostra que esta vacina é eficaz na prevenção do cancro em pessoas em risco.

Programa de detecção precoce do câncer de mama em Valência (Espanha)

Determinar o alto risco de desenvolver câncer de mama é um dos fatores-chave para garantir a eficácia da prevenção desta doença. O câncer de mama, segundo as estatísticas, ocupa o segundo lugar (depois do câncer de pele) em prevalência entre as mulheres. Só em Espanha, são detectados mais de 22 mil casos anualmente, e a doença afecta tanto mulheres jovens entre os 30 e os 35 anos como mulheres mais velhas até aos 80 anos. O grupo de risco máximo são mulheres de 45 a 65 anos.

Nos últimos anos, graças a um programa de detecção precoce do cancro em Espanha, o número de casos de detecção tardia do cancro da mama foi significativamente reduzido. As melhorias nos métodos de tratamento e prevenção também tiveram um papel importante - hoje o câncer de mama é detectado mais cedo, o que proporciona um tratamento mais eficaz e aumenta a expectativa de vida dos pacientes. Vale ressaltar que o diagnóstico precoce do câncer é o fator mais importante que determina todo o prognóstico subsequente da doença.

Especialistas de clínicas espanholas recomendam exames regulares de rastreio do cancro da mama em mulheres com mais de 35 anos. A ausência de quaisquer sintomas não é motivo para recusar o rastreio - nas primeiras fases a doença muitas vezes nem se manifesta.

Em que casos será necessário realizar diagnósticos?

Você deve entrar em contato com um especialista se notar um ou mais dos seguintes sinais:

  • uma mudança brusca na forma e aparência da mama,
  • a formação de nódulos difíceis de tocar na região do peito ou nas axilas,
  • retração da pele no peito,
  • vermelhidão da área da pele que não desaparece por muito tempo,
  • o aparecimento de secreção com sangue nos mamilos.

Pesquisa genética

Nas clínicas de Valência, as pacientes com suspeita de risco de desenvolver cancro da mama têm a oportunidade de participar num estudo genético. O procedimento determinará a presença de risco e fornecerá medidas preventivas e possíveis tratamentos mais eficazes.

Programa de detecção precoce do câncer de pele em Valência (Espanha)

O câncer de pele não melanoma é uma das formas mais comuns de câncer. Os pesquisadores distinguem dois tipos principais desta doença: o carcinoma basocelular, que representa até 3/4 de todos os casos, e o carcinoma espinocelular.

A incidência de câncer não melanoma aumentou na última década. Neste sentido, foi desenvolvido e implementado um programa de detecção precoce do cancro da pele em clínicas de Valência. Os coordenadores deste programa são dermatologistas, especialistas na área de cirurgia maxilofacial, cirurgiões plásticos, oncologistas e geneticistas.

O que é um programa dermatológico abrangente?

Trata-se de uma série de exames que visa identificar fatores de risco e detectar manifestações precoces de câncer não melanoma. Dentre eles, o lugar mais importante é ocupado pelo exame dermatológico - a dermatoscopia. Durante a dermatoscopia, o especialista analisa os parâmetros da pele e identifica as áreas afetadas, além de neoplasias benignas e malignas. Com base nos resultados deste estudo, é elaborado um plano de ações futuras.

Nas clínicas de Valência, os especialistas também criam um mapa detalhado das áreas da pele. O mapa consiste em fotografias digitalizadas de diversas áreas da pele (rosto, braços, pernas, costas, etc.), que são reunidas e analisadas. O mapa permite identificar alterações cutâneas e acompanhar seu desenvolvimento. Este mapa é o único que permite a qualquer dermatologista observar o paciente ao longo do tempo, rastreando as alterações comparando a condição atual da pele com fotos tiradas anteriormente através do programa Bodyscan.

Programa de rastreio do cancro da próstata em Valência (Espanha)

O programa de rastreio foi concebido para identificar prontamente os pacientes com alto risco de desenvolver cancro da próstata, avaliar a situação e planear uma terapia mais eficaz em cada caso. O câncer de próstata é um dos cânceres mais comuns entre homens adultos. A frequência de ocorrência depende diretamente da idade. Assim, após os 50 anos de idade, as células cancerígenas se formam na próstata dos homens 25%. Aos 75-80 anos, esse número aumenta para 50%.

Um aumento no tamanho da próstata nem sempre sinaliza a presença de um tumor maligno - muitas vezes o aumento é um sintoma de hipertrofia benigna. No entanto, se tal sintoma for detectado, é recomendável realizar um diagnóstico para garantir que não haja nenhuma ameaça grave. O câncer de próstata é uma doença lentamente progressiva. Entre os motivos do seu desenvolvimento, os pesquisadores citam uma mutação no DNA - por causa dela, as células da próstata começam a crescer de forma descontrolada, o que leva à formação de um tumor.

Fatores de risco

Entre os fatores que aumentam o risco de câncer, os pesquisadores identificam os seguintes:

  • idade acima de 60 anos,
  • pele escura,
  • uma dieta que inclui grandes quantidades de alimentos gordurosos,
  • hereditariedade (presença de parentes na família com diagnóstico de câncer de próstata).

Para reduzir o risco de desenvolver a doença, os especialistas recomendam seguir uma dieta saudável (limitando o consumo de carnes gordurosas e queijos), manter um peso normal e fazer exames regulares.

Detecção clínica do câncer de próstata

Homens com mais de 50 anos devem fazer exames regulares para câncer de próstata. Se houver histórico familiar desta doença, a idade de risco é reduzida para 40 anos. Mesmo na ausência de sintomas, é recomendável entrar em contato regularmente com um especialista que encaminhará para PSA e exames de sangue. Para uma terapia bem-sucedida, a detecção precoce de tumores é um fator decisivo.

As clínicas em Valência desenvolveram um programa unificado para o diagnóstico do câncer de próstata nos estágios iniciais. As instituições médicas de Valência estão equipadas com tudo o que é necessário para organizar um exame completo, incluindo testes genéticos.

Programa de detecção precoce do câncer de pulmão em Valência (Espanha)

O câncer de pulmão é a principal causa de morte precoce nos países desenvolvidos. O fator chave para sua ocorrência é o tabagismo. Os fumadores activos representam mais de 80% de pacientes diagnosticados com cancro do pulmão, no entanto, aqueles que vivem constantemente perto de fumadores (expostos ao chamado tabagismo passivo) também estão em risco. Quanto mais tempo uma pessoa fuma e quanto mais cigarros ela fuma diariamente, maior é o risco de desenvolver câncer de pulmão. Curiosamente, entre os fumantes inveterados que abandonam o hábito após anos fumando diariamente, o risco de desenvolver câncer de pulmão é relativamente baixo.

Entre outros motivos que determinam a ocorrência do câncer de pulmão, os pesquisadores atribuem lugar principal aos fatores genéticos.

As clínicas de Valência criaram um programa de rastreio precoce do cancro do pulmão. Os coordenadores do programa são especialistas na área de genética, pneumologia, oncologistas e endoscopistas.

O programa de rastreio inclui uma série de testes que podem detectar o cancro do pulmão na primeira fase e determinar se uma pessoa pertence a um grupo de risco. Além dos exames laboratoriais, o programa inclui exames de raios X. Curiosamente, em 2010, especialistas que realizavam exames regulares de câncer de pulmão por meio de tomografia computadorizada apresentaram resultados relatando uma redução de 20% na mortalidade entre pacientes submetidos à tomografia computadorizada em vez do tradicional exame de raios X.

Colocar o paciente em grupo de risco permite posteriormente realizar um monitoramento mais cuidadoso de seu estado e identificar a doença em um estágio inicial, quando o prognóstico do tratamento é mais favorável.

A detecção precoce do cancro em Espanha, bem como o diagnóstico e tratamento do cancro, é possível nas nossas clínicas em Valência. Você pode Marque uma consulta em russo. Forneceremos suporte oportuno e qualificado!